×
BOXE

Aldo aceita desafio de lutar contra Popó

O lutador do UFC afirmou que já existem movimentações para que os dois se enfrentem

Ex-campeão dos penas e lutando atualmente no peso galo do UFC, José Aldo aceitou o desafio de Acelino Freitas, o Popó para enfrentá-lo em uma luta de boxe.

Ao Canal Combate, o manauara disse que topa enfrentar Popó, mas em uma luta com regras e chancelada por uma organização ou liga oficial.

“Se tiver que ser no boxe, eu faria. Mas tem uma coisa: eu não faço luta de exibição. Para mim, teria que ser um combate com regras profissionais e chancelada por uma liga. Inclusive, eu estou fazendo parte de uma organização que está montando uma liga de boxe, pode ser por ela, inclusive. Conversei com o Dedé (Pederneiras, empresário e treinador) e ele vai falar com o Dana White em Las Vegas…”, disse Aldo.

O lutador do UFC afirmou que já existem movimentações para que os dois se enfrentem.

“Assim que acabou a luta vi o desafio do Popó e e todo mundo sabe que eu quero me testar na nobre arte, apesar do meu foco agora estar voltado para ser campeão no UFC. Ao mesmo tempo, achei interessante esse evento pela promoção do esporte e sou apaixonado por kickboxing e já organizei eventos da modalidade. Tem um formato que um organizador importou da Tailândia, onde tem muitos campeonatos que misturam boxe e kickboxing, um round de cada. Vi isso e fiquei interessado…”, afirmou o manauara.

Por fim, Zé Aldo disse que sugeriu o novo formato para o staff de Popó, mas que a ideia não teria sido bem aceita: “Logo após a luta, o filho do Popó mandou um e-mail para o Dedé querendo ver para a gente marcar esse confronto, e aí na hora a gente já lembrou dessa ideia e sugeriu para eles. Mas parece que eles não ficaram muito interessados, não sei se ficaram com medo, mas não quiseram nesse formato. Antes de tudo, eu preciso de uma liberação do UFC para que isso aconteça”, finalizou.

José Aldo vem de três vitórias consecutivas no peso galo e mantém o foco em conquistar um cinturão em uma categoria diferente do UFC.

*Canal Combate

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.