×
Aulas

Ano letivo municipal inicia de forma remota na segunda-feira (7)

As gravações das aulas iniciaram em dezembro de 2021

Manaus (AM)- O ano letivo municipal de ensino inicia nesta segunda-feira (7), de forma remota, com conteúdos produzidos pela Secretaria Municipal de Educação (Semed).

As aulas são transmitidas pelo Youtube e pela TV aberta, por meio de um Termo de Cooperação Técnica com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc). As atividades presenciais estão previstas para começar no dia 14 de fevereiro.

Todos os conteúdos foram elaborados de acordo com o Currículo Escolar Municipal, com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), Referencial Curricular Amazonense e demais legislações vigentes na educação.

De acordo com o secretário municipal de Educação, Pauderney Avelino, o aumento de casos da Covid-19 na capital amazonense no último mês, levou a Prefeitura de Manaus a optar pelas aulas remotas.

“Nessa primeira semana, vamos começar com aulas remotas em razão da pandemia, por determinação do prefeito David Almeida. No dia 14 de fevereiro iniciaremos as aulas totalmente presenciais em todas as escolas.  Para isso, reformamos unidades de ensino que estavam inativas para funcionar. Por mais que pareça um ano difícil, teremos muito mais condições de ter um ano melhor do que tivemos em 2021”, pontuou.

Gravações

As gravações das aulas iniciaram em dezembro de 2021 no Cemteds, e serão transmitidas em parceria com a Seduc pela TV aberta no canal 20.3 para as modalidades da educação infantil e ensino fundamental 1, que corresponde do 1º ao 5º ano e no canal 20.3 para o ensino fundamental 2 (6º ao 9º) e Educação de Jovens e Adultos (EJA) e pelo Youtube no canal https://bit.ly/3rnG2TI .

De acordo com a diretora do Cemteds, Mônica Nobrega, todas as aulas são inéditas. “O conteúdo das aulas entende todas as modalidades de ensino e foram elaboradas seguindo o nosso currículo escolar. Todas já estão prontas e são inéditas, não vamos trabalhar com reprise de 2020 ou 2021. Pela parte da manhã, teremos aulas inéditas pela TV e a tarde no canal do Centro, teremos reprise, porque sabemos das dificuldades dos alunos, e se ainda assim não conseguir acompanhar no mesmo dia, a aula ficará disponível na internet”, esclareceu Mônica.

Os alunos serão acompanhados pelo professor da turma por meio de grupos de conversas de aplicativos. Além disso, para os estudantes que não têm acesso a nenhum tipo de mídia, a escola disponibilizará apostilas.

As escolas entrarão em contato com os pais ou responsáveis por telefone. Caso a escola não entre em contato, os pais devem ir até a unidade de ensino para informar o contato atualizado, como explica o diretor do Departamento de Gestão Educacional (Dege) da Semed, Evaldo Bezerra.

 “Durante essa semana de aula remota, a Semed vai atender os alunos de várias formas, pela TV, pela internet, por grupos de conversas e para aqueles alunos que não possuem acesso a nenhum tipo de mídia, os pais ou responsáveis devem ir até a unidade de ensino para receber uma apostila, assim como as crianças que têm acesso, mas a escola não entrou em contato, é necessário verificar se o número do telefone está correto”, disse Evaldo.

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Inscrições para Mestrado da UEA encerram nesta sexta (4)

TCE suspende concurso da Polícia Militar

Prefeitura determina construção de UBSs na zona Norte da capital





Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.