×
CPI da Amazonas Energia

CPI da Amazonas Energia é retomada com participação expressiva da população

A próxima reunião itinerante ocorrerá no bairro Compensa, Zona Oeste de Manaus

Manaus (AM) – Foi retomada na última sexta-feira (4) a primeira sessão itinerante da CPI da Amazonas Energia, no bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus.

Durante a 21ª reunião da CPI, foram ouvidas as lideranças de bairros que criticaram os serviços realizados pela concessionária como a cobrança de altos preços e quedas de energia excessivas. Também foi ouvido o diretor-presidente do Instituto de Pesos e medidas (Ipem/AM), Márcio Brito, que deu novo depoimento.

A reunião itinerante da CPI esteve presente com a equipe do Instituto de Defesa do Consumidor do Amazonas (Procon/AM), liderado pelo diretor-presidente do Instituto, Jalil Fraxe, que estabeleceu parceria junto à CPI com o objetivo de atender os consumidores que estejam com problemas junto à empresa.

“Queremos saber o motivo da Amazonas Energia apresentar tanto problema no fornecimento elétrico, no Estado, como está sendo aplicado o dinheiro do contribuinte. Essa empresa tem concessão pública e deve prestar contas junto à sociedade”, falou o presidente da CPI da Amazonas Energia, deputado estadual (PT) Sinésio Campos.

Próxima CPI Itinerante

A próxima sessão itinerante da CPI está agendada para esta terça-feira (8), às 17h, na Escola Estadual Coronel Pedro Câmara, CMPM VIII. Denúncias com relação ao tema podem ser enviadas por meio do e-mail cpienergia@alaeam.com.br, cpidaenergia@gmail.com, bem como na sala 408, 4º andar/Aleam e através do whatsapp 92 9.8466-8350.

Fiscalização do Ipem solicitada pela CPI

Após solicitação do presidente da CPI da Amazonas Energia, Sinésio Campos, o Ipem iniciou uma operação de fiscalização em novos medidores de energia instalados pela concessionária Amazonas Energia, em Manaus. Os trabalhos foram realizados no bairro Cidade Nova, zona Norte e Parque 10, zona Centro Sul, onde a empresa instalou os aparelhos antes da Justiça suspender a instalação.

A fiscalização consiste na instalação de medidores padrão do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que permitem que os dados sejam comparados com os aparelhos da Amazonas Energia.

Qualquer cidadão que esteja se sentindo prejudicado com temas relacionados ao medidor de energia podem pedir visita ao órgão por meio da ouvidoria do Ipem, no 0800-092-2020, das 8h às 14h.

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Governador Wilson Lima determina fiscalização de equipamentos da Amazonas Energia

Em vídeo, moradores do bairro Cidade Nova 1 denunciam Amazonas Energia

Movimento comunitário promete enfrentar Amazonas Energia e novo sistema de medição

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.