×
Contexto

Reunião sobre redução do IPI com Guedes gera tensão e medo na ZFM

O presidente da Eletros, Jorge Nascimento Júnior, será o único representante do Amazonas na reunião da Coalizão Indústria

Divulgação

Reunião sobre redução do IPI com Guedes gera tensão e medo na ZFM

O presidente da Eletros, Jorge Nascimento Júnior, será o único representante do Amazonas na reunião da Coalizão Indústria, grupo que reúne líderes empresariais de mais de dez setores, com o ministro da Economia, Paulo Guedes, a partir das 15 horas desta sexta-feira, em Brasília.

Os membros da Coalizão pressionam em favor de um corte de 50% no IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) como forma de reduzir a inflação, o que, se acontecer, será mortal para a sobrevivência do Polo Industrial de Manaus (PIM).

No evento de hoje, Jorge Júnior, que representa empresas responsáveis por mais de 50% do faturamento do PIM, será uma voz solitária no embate contra a maioria da Coalizão que exige a redução do IPI.

Cigarros e bebidas

Segundo a Folhapress, a pauta da reunião desta sexta-feira com Guedes deverá excluir cigarros e bebidas dos itens que serão atingidos pelo corte no IPI.

A tensão, provocada entre as empresas que atuam na ZFM, é a mesma que também afeta entidades como Instituto Aço Brasil (siderúrgicas), Interfarma (farmacêuticas), Abicalçados e Abrinq (brinquedos), preocupadas com a tesourada de Guedes.

44 apoiam Wilson

Caso oficialize sua pré-candidatura à reeleição, o governador Wilson Lima (PSC) deverá contar com um gigantesco leque de apoio de prefeitos interioranos.

Em torno de 44 gestores já manifestaram apoio a Wilson, todos com seus municípios contemplados em convênios celebrados com o Governo do Estado envolvendo investimentos, principalmente, em saúde, educação e infraestrutura.

UPM na Europa

Os deputados Adjuto Afonso (PDT), Belarmino Lins (PP), Carlos Bessa (PV) e Dr Gomes (PSC) vão representar a Assembleia Legislativa do Amazonas em evento internacional do Bloco Brasileiro da União de Parlamentares Sul Americanos e do Mercosul (UPM) em Amsterdã, na Holanda.

O Bloco é formado por parlamentares do Brasil, Argentina, Chile, Paraguai, Uruguai e Venezuela, através de seus blocos nacionais.

Em Amsterdã, entre os dias 21 e 27 próximos, eles vão debater vários assuntos, dentre os quais a Amazônia, e conhecer a mais antiga Casa Parlamentar do mundo, chamada de “o Parlamento Holandês”.

A viagem será custeada pela Aleam e pela UPM/Mercosul.

Exigência do cartão

O deputado estadual Saullo Vianna (PTB) é mais um parlamentar governista a contestar o negacionismo e defender a exigência do cartão de vacina infantil nas escolas públicas e privadas.

Ele é radicalmente contra um projeto de lei que tramita na Assembleia Legislativa Aleam, de autoria dos deputados Fausto Júnior e Delegado Péricles, que proíbe a exigência do passaporte sanitário nas escolas.

Conforme apurou a coluna, o PL não passará na Casa Legislativa, onde ampla maioria de parlamentares defende o passaporte.

Só 10,2% imunizadas

Dados da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) apontavam, até terça-feira (8), 58.319 crianças de 5 a 11 anos vacinadas contra a Covid-19 no Amazonas.

Os números confirmam a baixa vacinação das crianças, na ordem de apenas 10,2%, o que aumenta o risco de contaminação por Covid-19 a partir do retorno às aulas na próxima segunda-feira (14).

Concurso da PGE

Começam no próximo dia 15 de fevereiro as inscrições para o concurso público da Procuradoria Geral do Estado (PGE-AM) para provimento de cargos de nível médio e superior.

Ao todo, o certame oferecerá 44 vagas, sendo 37 para ampla concorrência e sete para Pessoas com Deficiência. As remunerações variam de R$ 3,8 mil a R$ 7,3 mil mensais.

Vestibular domingo

Mais de 24,7 mil candidatos vão concorrer, no domingo (13/02), a uma das 2.321 vagas disponíveis no Vestibular da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) 2021, acesso 2022.

O exame inicia às 13h (horário Manaus), com as provas de Conhecimentos Gerais. Na segunda-feira (14), o processo seletivo será finalizado com as provas de Conhecimentos Específicos e redação.

Os portões serão abertos pouco antes das 12h, com fechamento às 12h50. Já na terça-feira (15/02), 26.893 candidatos inscritos farão as provas do Sistema de Ingresso Seriado (SIS) – (Acompanhamento I, II e III).

Amazonprev muda

Conforme o Diário Oficial do Estado (DOE) de ontem, a gerente financeira da Fundação Amazonprev, Andreza Souza, é a nova comandante do órgão.

Ela substituiu o professor universitário André Luiz Zogahib, que deixou a pasta alegando “questões pessoais”.

Tráfico de influência

Para o deputado estadual Serafim Corrêa (PSB), o pastor da Assembleia de Deus, de São Paulo, José Wellington Bezerra, cometeu “tráfico de influência” ao intermediar emendas para filhos políticos.

Em discurso, Serafim alertou para a mistura entre religião, política e a administração pública, e garantiu que o escândalo não acontece apenas em São Paulo, mas também em outros estados do país, inclusive no Amazonas.

Prefeitura vence

O ministro Humberto Martins, presidente do STJ (Superior Tribunal de Justiça), acatou recurso da Prefeitura de Itacoatiara e derrubou liminar do TJAM que mantinha a empresa Estrela Guia à frente do serviço de limpeza pública do município.

Assim, a Prefeitura volta a realizar o serviço de limpeza na cidade com total autonomia.

Nazismo e judeus

Contemplando iniciativa do vereador Luis Mitoso (PTB), a Câmara Municipal de Manaus (CMM) encaminhou Moção de Solidariedade à Confederação Israelita do Brasil (Conib), repudiando ato do apresentador Bruno Aiub, o Monark, que defendeu a existência de um partido nazista no Brasil.

“Defender o nazismo é atingir as crenças e valores fundamentais de toda a humanidade, independentemente de suas crenças. O nazismo causou tantas atrocidades, como o extermínio de mais de seis milhões de judeus e minorias”, diz Mitoso.

Vandalismo em igrejas

Na onda de Mitoso, o vereador de Manaus Ivo Neto (Patriota), em pronunciamento na CMM, repudiou o ato de vandalismo, cometido por um vereador do PT, no último domingo, em Curitiba, quando um grupo de manifestantes invadiu uma igreja católica durante a missa.

Para o vereador, a invasão “foi uma violência a todos os católicos e um ato de vilipêndio, uma vez que o grupo de ativistas invadiu uma igreja insultando as pessoas e interrompendo a missa, que é a mais importante cerimônia para os católicos”.

MDB/União Brasil

Caciques do MDB e do União Brasil dizem que falta pouco para o fechamento de um acordo entre as duas legendas para a formação de uma federação.

Hoje, as duas siglas contam com mais de 115 parlamentares, número que poderá ser reduzido para apenas 100 se o presidente Jair Bolsonaro conseguir êxito em levar 15 parlamentares do União para o PL com a abertura da janela partidária, no início de março.

Leia mais:

Transferência de rodovias para iniciativa<br>privada não resolve falta de investimentos<br>nas estradas

O povo voltará às ruas

Alerta pela Zona Franca

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.