×
TRAGÉDIA EM PETRÓPOLIS

Bolsonaro anuncia crédito extraordinário para região de Petrópolis

A cidade foi atingida por uma forte tempestade que deixou dezenas de mortos

Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro (PL) anunciou, na quarta-feira (16), em Moscou, na Rússia, que autorizou a abertura de um crédito extraordinário no Orçamento da União para financiar as ações de defesa civil e obras de reconstrução em Petrópolis.

A cidade, localizada na região serrana do estado, foi atingida por uma tempestade que deixou dezenas de mortos. O presidente não informou, porém, o valor do crédito que será aberto para as áreas afetadas.

Bolsonaro também confirmou que sobrevoará as áreas atingidas pelas chuvas na sexta-feira (18/2), conforme antecipou a coluna.

Ele explicou ter adiado a tradicional live de quinta-feira para retornar mais cedo da Hungria ao Brasil e chegar a tempo para sobrevoar a cidade.

O chefe do Executivo brasileiro informou que decidiu, inclusive, mudar a rota da volta ao Brasil da Europa para ir direto para o Rio.

De Budapeste, onde se encontrará com o primeiro ministro húngaro, Victor Orban, nesta quinta-feira (17), o presidente pousará direto no Aeroporto do Galeão, na capital fluminense, e não em Brasília.

Morro da Oficina é um dos locais mais atingidos pela forte chuva em Petrópoles (RJ) Foto: Luciano Belford/Especial Metrópoles

O chefe do Palácio do Planalto contou ter conversado com os ministros Paulo Guedes (Economia) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) sobre as medidas que o governo federal tomará em relação a Petrópolis.

Bolsonaro disse que apresentará os detalhes ao prefeito do município na sexta.

O Marinho deixou para viajar comigo [para a cidade]”, comentou.

As declarações do presidente foram dadas em rápida entrevista à imprensa após encontro dele com empresários em um hotel de Moscou.

O evento foi o último compromisso oficial de Bolsonaro na Rússia. Ele partirá para a Hungria no início da manhã desta quinta-feira, começo da madrugada no Brasil.

Antes da reunião com empresários, Bolsonaro teve encontro com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, no Kremlin.

Também se reuniu com o presidente da Duma de Estado, equivalente à Câmara dos Deputados brasileira.

Bolsonaro comentou tragédia

Mais cedo, durante agenda em Moscou, na Rússia, o presidente Jair Bolsonaro mencionou a tragédia em declaração conjunta ao lado do presidente russo Vladimir Putin, este prestando solidariedade às vítimas.

Agradeço os teus votos de solidariedade para com a população de Petrópolis e Rio de Janeiro, que foi acometida no dia de ontem por uma catástrofe. Que Deus conforto os seus familiares”, afirmou Bolsonaro.

*Metrópoles

Leia mais:

Governador do RJ pede ajuda para reconstruir Petrópolis após temporal

Veja fotos e vídeos chocantes do temporal em Petrópolis

Número de mortos em Petrópolis (RJ) chega a 44, após fortes chuvas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.