×
Desdobramentos

Senado terá comissão para monitorar tragédia em Petrópolis (RJ)

Colegiado ficará responsável pelo monitoramento de ações e atendimento às vítimas da tragédia na cidade serrana

Divulgação

Brasília (DF) – O plenário do Senado Federal aprovou, nesta quinta-feira (17), requerimento para a criação de uma comissão temporária externa para acompanhar os desdobramentos da tragédia climática em Petrópolis (RJ).

Ainda nesta tarde, senadores fizeram um minuto de silêncio em homenagem às vítimas das chuvas na cidade. O gesto em solidariedade ocorreu durante sessão plenária destinada à votação de projetos legislativos.

Até o momento, as fortes chuvas que assolam o município serrano resultaram na morte de mais de 100 pessoas; 140 estão desaparecidas.

Bombeiros seguem nas buscas por vítimas. Na cidade, o cenário é de guerra. Além das vidas perdidas, dezenas de casas foram derrubadas. A força da água “varreu” tudo que encontrou pela frente, conforme mostram vídeos feitos pelos moradores. Entre os mortos, há pelo menos oito crianças. Dos 101 corpos que estão no Instituto Médico-Legal (IML), 65 são de mulheres e 36 de homens.

A expectativa é que o cenário desolador continue, devido à possibilidade de mais chuvas para os próximos dias. Para esta quinta, estão previstas pancadas de chuva moderadas a ocasionalmente fortes, a partir da tarde.

Para esta sexta-feira (18), o cenário é ainda mais preocupante: pancadas de chuva fortes a ocasionalmente muito fortes, a partir da tarde. Na terça, em três das seis horas de chuva, o volume já superava a previsão para todo o mês de fevereiro.

*Com informações do Metrópoles

Leia mais:

Roberto Cidade quer criar política estadual de incentivo a cursos sociais e populares

Wilson Lima destaca avanços de políticas sociais do Estado

Seas discute ampliação de assistência social do Governo do Amazonas em Novo Airão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.