×
supercopa

Após ‘pipocada’ em cobrança de pênaltis, Galo é campeão da Supercopa

O Atlético-MG ganhou do Flamengo numa disputa de pênaltis histórica por 8 a 7 e sagrou-se campeão. Everson defendeu a última cobrança, de Vitinho

Depois de toda a polêmica envolvendo o local da decisão e diante de uma torcida rubro-negra amplamente maior na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), venceu quem já havia sido o melhor tanto no Campeonato Brasileiro quanto na Copa do Brasil. Após um empate em 2 a 2 no tempo normal, o Atlético-MG ganhou do Flamengo numa disputa de pênaltis histórica por 8 a 7 e sagrou-se campeão da Supercopa do Brasil pela primeira vez em sua história. Já o clube carioca, que é bicampeão (2020 e 2021), agora também acumula dois vices (1991 e 2022).

Durante os 90 minutos, Nacho Fernández abriu o placar para o Atlético-MG, após falha do goleiro Hugo. Gabigol, no segundo tempo, empatou para o Flamengo e Bruno Henrique virou. Porém, pouco tempo depois, Hulk voltou a igualar o marcador. Nas penalidades, o goleiro Everson pegou o derradeiro pênalti de Vitinho e carimbou a faixa de campeão para o clube mineiro.

Agora os rivais viram a chave para seus respectivos estaduais. O Atlético-MG enfrenta o Pouso Alegre no sábado (26) e o Flamengo tem pela frente o clássico com o Botafogo, na próxima quarta-feira (23), no estádio Nilton Santos (RJ), onde pode carimbar sua vaga para as semifinais do Campeonato Carioca.

Leia mais:

Thiago Maia desfalca o Flamengo na Supercopa após sofrer corte na perna

Fina confirma Mundial de Esportes Aquáticos em 2022

Flamengo é bicampeão Mundial de basquete

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.